Como curar adenoide naturalmente

Tratamento por remediodaterra
Doença: Sinusite
Ingredientes: Passa, Milho

Introdução

Como curar adenoide naturalmente

Uma das formas mais fáceis de curar adenoide é através do procedimento cirúrgico, embora haja também formas naturais bastante viáveis e que solucionam o problema de uma vez por todas. As adenoides, que também são chamadas de carnes esponjosas, existem em todas as pessoas. E caracterizam-se por serem células localizadas na parede posterior da nasofaringe, região por onde passa o fluxo aéreo nasal e que atua como caixa de ressonância da fala.

Local o qual também se abrem as tubas auditivas. As adenoides são duas pequenas glândulas compostas por tecido linfoide, semelhantes às amígdalas e aos linfonodos. As adenoides crescem durante a infância e começam a regredir ao redor dos 8 anos de idade. Quando elas crescem muito, podem causar obstrução da passagem do ar respirado pelo nariz.

Como curar adenoide naturalmente

A adenoide é um conjunto de tecido que cresce entre o nariz e a garganta, acima do céu da boca. Ela faz parte do sistema imune, produzindo anticorpos que defendem o indivíduo de infecções, como rinite e sinusite, antes dos 6 anos. Quando as adenoides estão inflamadas elas causam uma adenoidite. Essas inflamações geralmente são causadas por infecções bacterianas ou virais.

Juntamente com as amígdalas e outras estruturas, elas fazem parte do chamado anel de Waldeyer, um conjunto de formações linfoides dispostas ao redor da garganta , que atuam como uma primeira linha de defesa do organismo, barrando germes e alimentos antigênicos, na infância. Ademais, as adenoides também produzem anticorpos que ajudam o organismo a combater infecções.

A adenoide não provoca sintomas, porém, em casos de adenoide hipertrofiada, os sintomas podem ser:

  • Surgimento excessivo de infecções;
  • Roncos;
  • Dificuldade para respirar ou dormir.

As crianças com adenoidite podem desenvolver mais sintomas, as quais podem se queixar de dor de garganta , nariz entupido, rinorreia purulenta, gânglios inchados e doloridos no pescoço e dor de ouvido. O nariz entupido leva a uma fala com som anasalado, respiração pela boca (a criança dorme de boca aberta, ronca e baba no travesseiro), dificuldade para dormir e ronco ou apneia do sono.

Adenoide

Mais sobre curar adenoide

É comum que a criança tenha otites médias, devido à obstrução da tuba auditiva, e que sofra de rinites, sinusites, faringites e rouquidão em virtude da respiração bucal. Mantida durante muito tempo, a adenoidite pode ainda causar alteração do crescimento e de certos padrões anatômicos da criança, determinando, por exemplo, má oclusão dentária, palato ogival e outras anomalias faciais.

Assim como as amígdalas e outros linfonodos, as adenoides têm como função a produção de linfócitos e anticorpos, ajudando o organismo a se defender de micro-organismos que invadem as cavidades nasal e oral. Todavia, elas não são essenciais e a sua retirada cirúrgica não parece causar nenhum problema ao sistema imunológico do paciente.

Caso o indivíduo não queira retirar suas adenoides ele pode recorrer ao tratamento natural para curar adenoide. Dentre os mais comuns está o óleo de fígado de bacalhau, que contêm um importante complexo de nutrientes – principalmente selênio. Eles apoiam o fluxo linfático eficaz e podem diminuir a infecção.

O alho também é capaz de ajudar a curar adenoide. É que contém um número de compostos importantes, como a alicina. Eles funcionam em conjunto para formar um grande composto anti-inflamatório e antibacteriano. Isso ajuda a reduzir inflamação e infecção nas adenoides.


Referências

Conteúdo encontrado em:

https://remediodaterra.com/como-curar-adenoide-naturalmente
photo Sinusite

Sinusite

Doença

Sinusite é uma inflamação de vias respiratórias superiores conhecidas como seios paranasais geralmente associada a um processo infeccioso por vírus, bactéria ou fungo mas que também pode estar associado a uma alergia ou a inalação de poluentes. Os seios paranasais são formados por um grupo de cavidades aeradas que se abrem dentro do nariz e se desenvolvem nos ossos da face. Sua frequência varia...Mais